segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

Liberte-se do indesejável

"De nós ele afastou nossos pecados, tanto como o Oriente está longe do Ocidente." (Salmo 103:12)

Desde 2006, um grupo de pessoas comemora um evento incomum próximo do Ano Novo. Chama-se “Liberte-se do indesejável”. Com base numa tradição latino-americana, as pessoas escrevem suas memórias desagradáveis e embaraçosas junto com seus problemas ruins do ano anterior e os lançam num triturador. Alguns chegam a utilizar uma marreta para livrar-se de algo indesejável.


Davi, autor do Salmo 103, vai além, sugerindo que as pessoas se livrem das memórias desagradáveis. Ele nos lembrou de que Deus deseja que nos livremos dos nossos pecados. Na tentativa de expressar o vasto amor de Deus por Seu povo, o salmista usou figuras de linguagem. Ele comparou a vastidão do amor de Deus à distância entre os Céus e a Terra (v.11). Em seguida, falou sobre o Seu perdão em termos espaciais. Tão distante quanto o lugar onde o Sol nasce do lugar onde o Sol se põe, também o Senhor removeu os pecados do Seu povo (v.12). O salmista queria que o povo de Deus soubesse que o amor e perdão do Senhor eram infinitos e plenos. Deus libertou o Seu povo do poder de suas transgressões, perdoando-os totalmente.

Boas-novas! Não precisamos esperar até o Ano Novo para experimentar o “Dia da libertação”. Em decorrência de nossa fé em Jesus, ao confessarmos e nos desviarmos dos nossos pecados, Ele os lançará nas profundezas do mar. Hoje pode ser um dia de libertação! — Marvin Williams

Por causa da obra de Cristo, Deus esquece completamente os seus pecados.