sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Seja um revolucionário

Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês conhecerão a vontade de Deus, isto é, aquilo que é bom, perfeito e agradável a ele. (Romanos 12:2)

"Tente mover o mundo - o primeiro passo será mover a si mesmo." (Platão)

Quando veio ao Brasil, o papa Francisco disse que o casamento “não está fora de moda” e pediu aos jovens que se “rebelem” contra a “cultura do provisório”. 

Ao discursar para os voluntários da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), o chefe da Igreja Católica afirmou que os fiéis devem ter “coragem de ir contra a corrente”.

“Há quem diga que hoje o casamento está fora de moda. Na cultura do provisório, do relativo, muitos pregam que o importante é curtir o momento, que não vale a pena comprometer-se por toda a vida, fazer escolhas definitivas, ‘para sempre’, uma vez que não se sabe o que reserva o amanhã. Em vista disso eu peço que vocês sejam revolucionários, que vão contra a corrente”, afirmou.

“Sim, nisto peço que se rebelem. Que se rebelem contra esta cultura do provisório que, no fundo, crê que vocês não são capazes de assumir responsabilidades, que não são capazes de amar de verdade. Eu tenho confiança em vocês, jovens, e rezo por vocês. Tenham a coragem de ir contra a corrente. Tenham a coragem de ser felizes”, completou o papa.

Nesse sentido Paulo recomenda em Romanos que amemos de fato. Quantos entram num relacionamento por interesse egoísta. Mas pelo contrário, devemos amar uns aos outros com o amor de Cristo e nos esforçar para tratar uns aos outros, homem e mulher, com respeito.

Devemos aguentar com paciência os momentos de desajustes e não descartar uns aos outros. Alegrar com os que se alegram e chorar com os que choram. Não pagar a ninguém o mal com o mal. No que depender de nós, façamos todo o possível para viver em paz com todas as pessoas, deixando de lado todo sentimento de vingança, pois as Escrituras Sagradas dizem: “Eu me vingarei, eu acertarei contas com eles, diz o Senhor.” Enfim, não deixemos que o mal nos vença, mas vençamos o mal com o bem. 

A cultura atual nos força a fazer exatamente o contrário do que recomenda a Bíblia. É por isso que devemos ser revolucionários e optar pela Palavra de Deus. Não podemos amar hoje e odiar amanhã. Que Deus nos ajude!