terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Ano novo, plano novo

As pessoas podem fazer seus planos, porém é o Senhor Deus quem dá a última palavra. (Provérbios 16:1) 

Ano novo, plano novo. Ó nós aqui outra vez! Muitos podem estar pensando assim: o projeto para o ano passado parecia uma boa ideia na época, mas infelizmente não saiu do papel. 


Eu me lembro de que em quase todo início de ano dizia a mim mesmo: “este finalmente vai ser o ano em que realizarei aquele projeto...”. Será por que tinha que dizer isso todos os anos? 

Para realizar meu projeto, eu costumava planejar de acordo com o que se passava na minha cabeça. Planejava, estabelecia metas, traçava os planos para alcançá-las, e... Pronto! Agora vai, dizia! Então, partia para a batalha. Acontecia que chegava ao final do ano e pouco havia sido realizado. Aí vinha nova frustração, novo plano, novo início... 

Mesmo assim, continuava convencido de que bastava ser uma pessoa organizada, metódica, persistente... Após alguns fracassos, passei a notar que havia algo sobrenatural, uma variável exógena que não dependia de mim, mas que influenciava enormemente o resultado dos meus planos. 

É bem verdade que nossos atos geram resultados reais e mudam, sim, o curso dos acontecimentos, mas nada neste mundo acontece sem que Deus permita. Quando entendemos que Deus é o Criador todo-poderoso, parece sensato concluir que ele preserva e controla todo o universo. Ora, se os sonhos são viáveis, a busca de sua realização segue um plano previamente traçado e, mesmo assim, eles não se concretizam, então há algo fora do nosso controle. A Palavra de Deus garante que esse algo não é aleatório, não é sorte ou falta dela. 

Além de planejar é preciso confiar em Deus e esperar nele. O negócio do qual ele participa tem sucesso garantido, nada é impossível e nenhum dos seus planos pode ser impedido. (Jó 42:2) 

A melhor forma de demonstrar a confiança em Deus é praticar a oração – ação que traz resultados definidos e que efetivamente muda o curso dos acontecimentos. Deus determinou que a oração fosse um meio bastante importante de gerar resultados no mundo. É por meio dela que as pessoas recebem as dádivas divinas. Quem não ora fica a mercê dos acontecimentos. A oração é o único meio de aumentar a chance de sucesso e de fazer com que o algo sobrenatural aconteça em nosso favor. 

“Nada tendes, porque não pedis” (Tiago 4:2). Jesus diz: Até agora vocês não pediram nada em meu nome; peçam e receberão para que a alegria de vocês seja completa.