sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Lágrimas de crocodilo

Eu, o Senhor, o Deus do seu antepassado Davi, escutei a sua oração e vi as suas lágrimas. Eu vou curá-lo, e daqui a três dias você irá até o Templo. (2 Reis 20:5). 

Essa foi a resposta que o Senhor deu ao rei Ezequias, quando, na sua angústia diante da morte, derramou seu coração perante o Senhor. Deus viu as suas lágrimas e mudou de ideia. Concedeu mais 15 anos de vida ao rei. 

A expressão popular “derramar lágrimas de crocodilo”, usada para dizer que alguém chora sem razão ou por fingimento, surgiu de um fato que acontece com os crocodilos. Quando o animal come uma presa, ele a engole sem mastigar. Para isso, abre a mandíbula de tal forma que ela comprime a glândula lacrimal, localizada na base da órbita, o que faz com que os répteis lacrimejem. 

Muitas pessoas derramam lágrimas de crocodilo. Essas pessoas estão bem de saúde, têm do bom e do melhor, não lhes falta nada, se alimentam muito bem, fazem suas refeições em bons restaurantes. Mesmo com tudo isso, choram de barriga cheia e reclamam da vida. 

É razoável as lágrimas fluírem quando as emoções são incontroláveis. Quando nada mais faz sentido. Quando se está em desespero, as lágrimas descem e costumam cegar os olhos. Inundados pelas lágrimas dolorosas da fadiga, os olhos não conseguem ver soluções ou saídas. 

Entretanto, as lágrimas de um coração sincero nunca são ignoradas pelo Altíssimo. O Senhor está presente, não importa a intensidade das lágrimas. Deus vê e ouve mediante o pranto. Não faz sentido conter as lágrimas quando se chega perto dele. Não é preciso pedir desculpas por estar chorando. 

O lugar certo de derramar os sentimentos é o altar do Senhor. Lágrimas de revolta. Lágrimas de abandono. Lágrimas de cansaço. Lágrimas. O consolar das lágrimas é especialidade do Senhor. Por causa do Seu poder e do Seu amor, Ele nos consola. Ainda hoje, quando lemos Isaías, o Senhor nos assegura: "Eu vi as suas lágrimas". 

Você já chorou diante do Senhor? Não chore lágrimas de crocodilo, mas lágrimas do coração, lágrimas que, quando vistas por Deus, irão mudar a mente dele e, por tabela, o rumo da sua vida. Pode chorar, porque o choro não passa de uma noite. De manhã vem a alegria e você irá louvar a Deus, cuja bondade é para a vida toda.