segunda-feira, 25 de julho de 2011

Se O Meu Fusca Falasse!

Ó Deus, examina-me e conhece o meu coração! Prova-me e conhece os meus pensamentos. Vê se há em mim algum pecado e guia-me pelo caminho eterno. (Salmo 139:23-24) 

Coração na Bíblia representa o verdadeiro caráter do homem, os seus pensamentos e motivos. É muito fácil sermos enganados pelo nosso coração. Muitas vezes achamos que ele está em bom estado pensando assim: Eu sou uma boa pessoa; eu vou à igreja duas vezes por semana; eu participo dos estudos bíblicos semanais; eu tenho minhas devocionais diárias com Deus; eu sou voluntário em minha comunidade; eu entrego o dízimo corretamente; eu dou a devida atenção à minha família; eu oro por meus amigos; etc.

Não é assim que acontece? Achamos que está tudo bem com nosso coração porque o olhamos superficialmente. Quando aplicamos uma sondagem mais profunda, começam a aparecer as imperfeições...

Existe um momento infalível no qual podemos diagnosticar nosso coração: É o momento em que as pessoas pisam no nosso calo. O momento mais característico é quando estamos no trânsito, ao volante. Quando estamos dirigindo, o verdadeiro ‘eu’ vem à tona. 

Existe uma frase que é usada em outro contexto que diz assim: Se o meu fusca falasse! No nosso contexto, o que queremos dizer com essa frase é que falamos e pensamos muitas besteiras quando estamos conduzindo o nosso veículo. Quando algum outro motorista ‘pisa na bola’ no trânsito e nos assusta ou nos prejudica de alguma forma, o que é que nós falamos ou pensamos ou até gesticulamos?

Então, o momento em que somos vítimas de algum incidente é o ideal para avaliarmos a saúde espiritual do coração. Qual é a reação quando alguém pisa no nosso calo? Nós reagimos de maneira mansa ou de maneira agressiva? 

Precisamos sondar mais profundamente o nosso coração. Se não somos capazes de fazer isso por nós mesmos, então devemos pedir para que Deus o faça. Se após algum incidente de ira ou de raiva nós ficamos envergonhados com nossos atos, é sinal de que o Espírito Santo está nos iluminando. Isso é bom! É a prova de que Deus se preocupa conosco!

Estar decepcionado com o nosso comportamento não é uma coisa tão ruim assim porque esse é o primeiro passo para o aperfeiçoamento. Seja o que for que expõe a condição do nosso caráter, devemos procurar reter o melhor em todas as situações e agradecer a Deus por iluminar a mente com relação ao erro. 

Perdoe você mesmo os seus momentos de revolta e siga em frente, buscando a perfeição. Deus quer lhe encher com o Seu Espírito Santo. Só assim você pode frutificar conforme o Seu querer. Faça do seu carro um local de pura alegria e felicidade!

Peça agora para Deus examinar o que está errado lá no fundo do seu coração. Depois, agradeça-O por mudar você de dentro para fora.

Ó Deus, nos ajude a sermos cheios do Espírito Santo para frutificarmos a mansidão, a longanimidade e o domínio próprio!