quarta-feira, 8 de junho de 2011

Peço Tempo. Tempo Concedido!

Eis que Deus é o meu ajudador, o Senhor é quem me sustenta a vida. (Salmos 54:4)

Por causa da escolha errada dos representantes Adão e Eva em comer o fruto oferecido astutamente por Satanás, a humanidade deu legalidade ao mal. Então, como escrevemos nas devocionais anteriores, o mal só passou a existir, na realidade, porque Deus, em vez de aniquilar a humanidade pela Sua justiça, optou por manter vivos esses seres que decidiram pelo mal, que decidiram dar forma para o mal. Deus decidiu assim porque Ele já havia preparado o 'plano B' - a Sua Graça - para a salvação do homem. 

Pelo fato de Deus haver decidido manter a humanidade, nós nos tornamos seres contingentes. O que significa ser contingente? Significa que somos dependente de outro ser para viver.

Analise bem: Você criou a si mesmo? Foi você que se fez existir? É você que determina quanto tempo vai viver? Então você depende de alguém! É você que decide se daqui a um minuto vai estar vivo ou vai estar morto? Então você é um ser contingente! Você não tem domínio sobre nada na sua vida. 

Uma vez um palestrante foi convidado para falar sobre o tempo devocional. E aí ele começou a orar ao Senhor pedindo: – Senhor, me dá uma palavra para transmitir às pessoas sobre o tempo devocional que elas devem dedicar ao Senhor. E aí quando ele estava no meio dessa oração, Deus disse: – Você não entendeu nada! 

Ele disse: – Como não? O Senhor não quer que a gente dê tempo para o Senhor? Deus disse: – Não! Eu não quero que vocês me deem tempo nenhum! 

O palestrante falou: – Que isso, Senhor? Eu cresci aprendendo que o Senhor quer que a gente dê tempo para estar com o Senhor. Deus disse: – Não, eu não quero que vocês deem tempo nenhum para mim! 

– Que é isso, Senhor? Por que o Senhor não quer? E o Senhor disse: – Porque vocês só podem dar o que têm. E tempo é uma coisa que vocês não têm. Sou eu que concedo o tempo para vocês estarem comigo! Eu quero que vocês usem bem o tempo que eu concedo para vocês. 

Entendeu a diferença? Está cheio de gente dizendo: – Eu vou reservar um tempo para Deus. 

Vai reservar ou dar o quê, meu filho? Você não tem nada! Você não sabe se vai estar vivo daqui a um minuto. Que tempo você vai dar para Deus? Você é muito do bobo! Se você acha que pode dizer: – Ó Deus estou marcando aqui na agenda, não se preocupe: Amanhã, eu vou levantar às cinco da manhã e nós vamos ter tempo juntos. Aí Deus diz para você: – Ah é? Quem foi que disse isso para você? 

Portanto, é Deus quem concede tempo para nós! Nós é que temos usado muito mal o tempo que Ele nos concede. 

Nós (a humanidade) somos seres contingentes porque dependemos de Deus, que pela Sua infinita bondade decidiu nos manter existindo. Lembra que nós (representados por Adão e Eva) escolhemos o mal e merecíamos ser aniquilados. Mas Deus é o nosso ajudador, o Senhor é quem nos sustenta a vida, por isso temos que ter o coração grato sempre grato para com Ele. 

Como, e para o quê, você tem usado o tempo que Deus lhe concedeu aqui entre os viventes?


Na próxima devocional vamos mostrar a intervenção divina para que a humanidade continuasse a existir. Não perca!

(*) Algumas partes do texto são adaptações das anotações de uma palestra do Pr. Ariovaldo Ramos.